sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Dicas de como arrasar em um casamento com o cabelo curtinho!


Casamento no campo!


A cerimônia foi em uma prainha dentro do Hotel Dois Santos - Porto Feliz, em um ambiente muito gostoso!
A decoração era simples e sofisticada, muito encantadora.
Para escolher a minha roupa para esse casamento levei em conta a previsão do tempo e o ambiente que seria! Foi uma delícia!
No meu look, escolhi um vestido de um ombro só pelo fato de ser um casamento a tarde, de seda (um material leve e sofisticado e que não me daria calor na hora da cerimônia) e levei uma echarpe para durante a festa a noite me esquentar. No interior é sempre muito frio a noite, e como o meu vestido não permitia um colar, abusei no brincão com franjas azul da cor do vestido e pulseiras de pérola. A sandália escolhi uma anabela, pois o hotel era todo de piso irregular e a cerimônia foi na areia... não queria que o meu salto afundasse na areia e eu corresse o risco de cair ali, rsrs.

Espero que gostem da dica e arrasem também!!!
Casamentos na praia e interior geralmente são o mesmo estilo então se tiver um casamento na praia, usem essa dica também!

















Isso é tudo pessoal!

Espero que gostem, e arrasem!
Beeeeeijos

sábado, 21 de novembro de 2015

Premiação para as 50 melhores histórias de lutra contra o câncer!


Gente, a rede Coneccte (http://www.coneccte.com.br) é uma rede social desenvolvida para promover a troca de experiências entre pacientes oncológicos e familiares. Nela, qualquer pessoa pode criar uma conta e especificar se é paciente, acompanhante (familiar, amigo, etc.) ou sobrevivente (recebeu alta do tratamento). Não é preciso ser paciente do IOSP, apenas informar qual o seu diagnóstico.

Eu faço parte desde o início do meu tratamento, e o Coneccte e o IOSP estão fazendo uma ação muito legal, você só precisa postar em seu perfil sua história e mencionar que gostaria de participar do concurso para ganhar o livro "25 Cronistas Falam de Superação", que reúne relatos de personalidades como Pedro Bial, Gregório Duvivier e Ruy Castro. A obra foi idealizada pela jornalista Luciana Medeiros, que superou um linfoma.

O resultado sairá no dia 15 de fevereiro de 2016. Os vencedores receberão o livro via correio em suas casas, após serem contatados por e-mail e terem seus nomes divulgados no Coneccte.






Eu e a Flávia Flores já fazemos parte dessa rede, e você?
Não deixe de postar sua história de luta lá e concorrer ao prêmio, ok? Eu já postei a minha!


Sobre o Instituto de Oncologia Santa Paula (IOSP)

O Hospital Santa Paula (HSP), referência no atendimento à saúde, inaugurou em 2013 em parceria com o Centro de Oncologia do Hospital Sírio-Libanês, o Instituto de Oncologia Santa Paula (IOSP), espaço dedicado ao tratamento de pacientes oncológicos. O objetivo do Instituto, que faz parte do complexo hospitalar Santa Paula, é oferecer atendimento multidisciplinar por meio de tratamentos modernos aos pacientes acometidos pela doença. O HSP atua na área da oncologia há 13 anos e passou a contar em 2013 com um edifício exclusivo para esta especialidade. O IOSP está alinhado com o conceito de humanização hospitalar, oferecendo atendimento multidisciplinar em ambientes inspirados no modelo de instituições de saúde internacionais dedicadas ao tratamento integrado do câncer. O corpo clínico do IOSP é formado por oncologistas clínicos, onco-hematologistas, radioterapeutas, especialistas em saúde bucal e cirurgiões oncológicos – todos dedicados ao planejamento do tratamento aos diversos tipos de câncer. Os pacientes contam ainda com enfermeiros, psicólogos, fisioterapeutas, nutricionistas e esteticistas durante todo o período de tratamento.
Endereço: Av. Santo Amaro, nº 2382 - Vila Olímpia - (11) 3040-8200
Para mais informações acesse: www.santapaula.com.br


quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Entrevista Rádio Boa Bova!

Gente ontem fui na Rádio Boa Nova e fiz uma participação muito gostosa no programa Entre Amigos, e hoje saiu um artigo sobre a entrevista que eles postaram no site da Rádio, dêem uma lida, ficou muito legal!

A entrevista na Integra só segunda -feira depois passo pra vocês!


Uma história de cura para o câncer

Enviado em 19 de novembro de 2015 | No programa: Entre Amigos | Escrito por Equipe Entre Amigos | Publicado por Vanessa Cavalcant


Nesta semana, recebemos Marcela Meneghetti Duarte, de 25 anos, que ano passado foi diagnosticada com câncer – Linfoma de Hodgkin, o linfoma de Hodgkin ou doença de Hodgkin é um tipo de câncer que começa nos linfócitos, que são parte do sistema imunológico do organismo.
Durante o programa, Marcela deu seu depoimento de como perseguiu e conseguiu sua cura, contando com ajuda da obra “O Médico Jesus” do comunicador da rádio Boa Nova, José Carlos de Lucca, leitura obrigatória durante os dias de “reclusão” que lhe foram necessários durante as quimioterapias e contou, inspirando tantas outras pessoas que passam pelo desafio da doença do câncer, a maior de todas as lições: aceitar a doença e lutar.
“Quando recebi a notícia, foi meu pai quem falou pra mim. Naquele momento de choque, eu tive a certeza que eu teria um caminho árduo, mas que eu teria a cura 100% e pra sempre!”, recorda-se Marcela. E  ‘cura 100% e para sempre’ virou seu lema.
O grande desafio é não se lamentar e ficar se questionando “por que comigo?”. Pois bem, todos os nossos desafios em vida foram propostos e/ou aceitos por nós mesmos para nossa evolução, ou são consequências de nossos atos e caminhos escolhidos. Logo, não existem vítimas em qualquer situação.
“Eu sempre fui uma pessoa que guardava tudo para mim, que não discutia, que interiorizava tudo. Eu não batia de frente, eu aceitava tudo e isso foi, de alguma forma,  ficando impresso no meu espírito até que passou para a matéria. Então, tive que me concentrar em curar o espírito e a matéria”, explica Marcela com seu tom alegre e descontraído.
Ela, durante todo o programa, nos deu lições de como ser forte, de como enfrentar os desafios com a cabeça erguida, sem qualquer resquício de vitimismo, tristeza ou apatia. Claro que tiveram momentos em que ela se viu testada, como quando recebeu o resultado de um exame, depois de 6 meses de quimioterapia, foi detectado que a doença não tinha saído totalmente do seu corpo e não estava curada, que precisava fazer um transplante de medula para que tivesse a sua cura. Aquele momento foi sim, triste e desesperador em saber que o caminho seria um pouco mais longo e árduo do que ela pensara. Porém,  depois das lágrimas, ela sacudiu a poeira e com a cabeça erguida continuou o tratamento e conseguiu o resultado que tanto queria: curar 100% e para sempre.
Essa é a história de Marcela que pode ser contada como espelho da história de tantos outros que entenderam os desafios da vida, em especial os do câncer, com dignidade, força e fé. Principalmente fé, porque entender que estamos aqui para aprender, evoluir, que nada que nos acontece é por acaso ou simplesmente “castigo de Deus”, que somos responsáveis por tudo o que nos acontece é um ato de fé na Inteligência e Amor supremo.
Viva para a Marcela, viva as Marias, as Lucias, os Joãos, os Márcios, os Albertos, para todas as guerreiras e guerreiros! Porquê para vencer desafios e ser feliz é preciso muita fé e coragem!

Você pode ajudar!

Quer conhecer mais sobre a história da Marcela, seu dia a dia e ver suas dicas sobre maquiagem e estilo? Ela tem um blog super bacana que se chama blogmamene. Acesse aqui!
A Marcela também participa do Banco de Lenços Flávia Flores. Nesse banco, com apoio do Instituto de Oncologia Santa Paula, milhares de lenços são recebidos por doação, higienizados, embalados e distribuídos para mulheres pacientes com câncer  com intuito de trazer autoestima e beleza para aquelas que perdem seus cabelos por conta do tratamento. Quer saber mais e ajudar? Acesse: Banco de Lenços Flávia Flores.
No caso da Marcela, ela mesmo pode doar a medula para ela mesma. Se não tivesse condições, ela teria que achar um doador compatível 100% para fazer o transplante e assim salvar sua vida. A chance é de 1 para 100mil. Imagine quantas pessoas passam pelo mesmo desafio e poderiam ter mais chances de cura se tivéssemos mais opções nos bancos de medula? Doar medula é um ato de amor e salva vidas. Saiba como realizar a doação, os pré-requisitos e Hemocentros participantes, acesse: INCA.
Com a quimioterapia e o transplante de medula, o índice de plaquetas no sangue do paciente diminui muito causando deficiência também no sistema imunológico. A doação de plaquetas é importante e feita nos mesmos moldes da doação de sangue. Para ser mais informações sobre o procedimento, você pode encontrar informações nos hospitais ou pelo telefone da fundação Pró-Sangue 0800-55-0300, ou pelo site da Fundação Pró-Sangue.

http://radioboanova.com.br/artigos/uma-historia-de-cura-para-o-cancer/

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Dia Mundial do combate ao Câncer de Próstata!


Gente, hoje vamos falar de um assunto muito importante: a prevenção do câncer de próstata e como estamos em novembro azul vou falar um pouco para vocês sobre esse assunto que é responsável por 10% de todas as mortes em pacientes do sexo masculino, segundo o Portal da Sociedade Brasileira de Urologia.


Então vamos prevenir sempre, não vamos deixar para depois os exames que temos que fazer de controle, pois é muito importante sempre cuidarmos de nossa saúde! Ela é muito importante e sem ela não conseguimos realizar pequenas coisas.. só quem já ficou doente do que estou falando! Então não deixe de ir ao médico se sentir qualquer coisa diferente, cansaço, dor, qualquer coisa que não está normal em seu corpo o médico tem que ser avisado, ok? Não temos que ter medo dos médicos, eles estudaram para nos ajudar a cuidar de nossa saúde e o que eles querem é que nossa saúde esteja 100% sempre.
Eu sempre fiz exames regularmente e sempre me preocupei com minha saúde, mas o linfoma apareceu logo depois de uma queda brusca da imunidade e o linfoma, infelizmente não tem como prevenir, mas como eu diagnostiquei rápido e corri pro médico, consegui me curar!!! Se eu não tivesse me preocupado ou ficasse com medo de ir saber o que era, eu poderia não ter tido a sorte de me curar. Imagina? Vamos nos conscientizar!
Por isso é muito importante sempre ficarmos de olho em nosso corpo, sempre fazer exames e sempre ir ao médico. O câncer de próstata por exemplo pode ser detectado por um simples exame de toque que auxilia na detecção precoce da doença, então se você aí não faz esse exame por medo de mexer com sua masculinidade saiba que sua saúde é muito mais importante do que seu EGO!!!



INFORMAÇÕES IMPORTANTES:



Fatores de risco:
– Idade (cerca de 62% dos casos são de homens a partir dos 65 anos);
– Histórico familiar;
– Raça (maior incidência entre os negros);
– Alimentação inadequada, à base de gordura animal e deficiente em frutas, verduras, legumes e grãos;
– Sedentarismo;
– Obesidade.
Sintomas (aparecem nos casos avançados):
– Vontade de urinar com urgência;
– Dificuldade para urinar;
– Levantar-se várias vezes à noite para ir ao banheiro;
– Dor óssea;
– Insuficiência renal;
– Dores fortes no corpo.

Assistam esse vídeo do Dr Drauzio Varella:

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Dor muscular como amenizar esse efeito colateral



Muitas pessoas sentem uma dor muscular depois de uma sessão de quimioterapia,  esse efeito colateral é muito nomal, eu sentia muito e para me aliviar eu sempre fazia escalda pé com arnica(essa planta tem um efeito analgésico e anti inflamatório)líquida e também sempre fazia acupuntura.


Esses efeitos em mim duravam 5 dias após a infusão da medicação. Outra coisa que minha mãe fazia para aliviar minhas dores era fazer massagem nos meus pés com creme de arnica.


Eu usava esse crema, mas você pode usar o da sua preferência.
 A acupuntura lembre-se de que deve ser feita somente com caneta estimuladora e colocar micro stiper ou semente de mostarda, pois não podemos ter nenhum ferimento aberto durante o tratamento para evitar qualquer tipo de infecção.

Sempre consulte seu médico para qualquer produto que for usar, ok?

Beijos
Espero que gostem da dica e que aliviem as dores de vocês!


sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Look viagem em Brasília!



Se inspirem no look e arrasem no final de semana!







Blusa: Ale Espindola
Calça: 284
Rasteirinha franja: Regina Rios
Cinto: Le Lis Blanc
Óculos: Ray Ban
Bolsa: Macadamia site Ellastore

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Herpes Zoster - Pronta pro Halloween!


Gente, hoje vou falar para vocês sobre a Herpes Zoster( prima da Catapora), vocês devem estar falando nossa que nome assustador. Pois é não só o nome mas a que senti também, voltei de Brasília da viagem que fiz para João de Deus e comecei a sentir uma dor na testa, mas nada aparecia, de Sábado(31 de novembro)  surgiu umas bolinhas como se fosse alergia ( pronto estava me fantasiando para o Halloween sem ser avisada, rsrs), até ai tudo bem, mas de segunda-feira para terça-feira passei a noite em claro com muita dor de cabeça, no outro dia minha mãe ligou para meu médico e relatou sobre o que estava acontecendo que não conseguia abrir o olho de dor na cabeça e a dor era como chicotadas e então ele pediu para irmos para o Hospital e me internar para medicação intravenosa, para que controlasse mais rápido.

Cheguei na terça a noite e comecei a medicação, pois como estava localizado na testa e estava descendo e indo pro olho, se chegasse na córnea poderia cegar, por isso corremos pro hospital.

Se você começar a sentir um desses sintomas, ligue pro seu médico, como nossa imunidade depois do tratamento ainda demora pra se restabelecer é normal aparecer essas intercorrências e graças a Deus não foi nada grave e tudo foi controlado, mas nunca deixe de relatar nada ao seu médico por mais que tenha medo, ele sempre vai querer o seu bem estar, muitas pessoas não diagnosticam essa Herpes e ficam com dores crônicas por muitos anos.

Vou postar umas fotos da minha fantasia de Halloween, mas não se assustem, rsrs.



Gente uma coisa muito importante, nunca passem nada em cima, e não coçe e nem passe a mão, pois é um virús e se espalha!

Beijos


segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Nutridrink - suplemento nutricional para quem está em tratamento


Nutrição durante o tratamento!

Para termos uma alimentação balanceada durante o tratamento, é bem difícil pelos efeitos colaterais que a medicação pode causar, por isso fica difícil ingerir todos os nutrientes necessários que nosso corpo precisa diariamente.
Por isso existem vários tipos de suplementos alimentares próprios para quem está em tratamento, eles possuem os nutrientes diários necessários para nosso corpo. Ele foi desenvolvido para não deixarmos de ter esses nutrientes em nosso organismo e que são necessários também para nos fortalecer para poder enfrentar o tratamento.
Eu experimentei vários tipos de suplementos, mas como meu paladar estava alterado, eu gostei somente de alguns e vou postar para vocês, mas vale experimentar. 
Esses suplementos não são baratos, mas no Hospital Santa Paula, eu tinha o suporte de nutricionista e o as nutricionistas me davam, então se você tiver a oportunidade tente pegar no seu hospital.
Eu perdi no inicio do tratamento 4kg, mas conseguia manter o peso com esses suplementos, para não ficar desnutrida. 
Existem vários tipos, mas o que eu gostava mais eram os prontos com sabor:




Não deixem de comer, e manter a nutrição isso é muito importante durante o tratamento.

Beijos