segunda-feira, 9 de março de 2015

Transplante de Medula Óssea!




TRANSPLANTE

Muitos se assustam quando escutam a palavra Transplante, mas hoje em dia é um dos tratamentos mais eficientes para a cura de vários tipos de Câncer.
No momento que soube que meu tratamento seria esse, fiquei desesperada e caçando pessoas que já tinham feito para obter informações, pois o desconhecido nos assusta muito.
Acabei achando várias pessoas que me ajudaram a enfrentar tudo com muita Força, Fé e Paciência. Sim, Paciência é uma virtude que aprendi durante o tratamento mas ainda estou desenvolvendo mais a minha, pois nada é imediato e temos que usar nossa cabeça para nos manter fortes e seguir em frente.
Tudo começa com quimios preparatórias. Fiz 3 ciclos de quimios de 3 dias e ficava internada 1 semana, essas quimios são feitas internadas pois são mais fortes e precisam de controle. Depois que acabam esses ciclos, vem a Coleta de Células Tronco, essas células podem ser coletadas pelo sangue periférico ou do cordão umbilical, mas como o meu transplante foi autólogo e não tinha células guardadas do cordão, a opção foi tomada através da minha biopsia de medula, que o resultado foi que ela estava limpíssima! Tirei então do sangue periférico, e para isso era preciso estimular minha medula a produzir muitas células tronco para elas poderem ir pro sangue e ser coletada, esse estímulo é dado logo depois da última quimio preparatória com o granoloquine (injeção que estimula a medula a trabalhar) em altas doses.
Os médicos vão controlando o seu CD34 (exame que mostra quantas células tronco tem no sangue). O mínimo pra uma coleta são 10 células, fiquei por vários dias no número 1, e o desespero de não subir era grande, mas como eu disse nesse procedimento é preciso muita Paciência. Depois de alguns dias subiu pra 2, o que era um ótimo sinal pois quando muda dispara de uma vez e foi assim que aconteceu! Disparou e deu o número 21, para a minha felicidade.
Agora era a hora de coletar, vem o pessoal do banco de sangue com um enfermeiro e um médico no seu quarto com uma máquina que parece de hemodiálise, ela vai coletar seu sangue, separar as células tronco e devolver pro seu corpo o sangue. Feito isso, está na hora da quimio do transplante, são 5 dias de quimio sendo que o último temos que tomar sorvete ou chupar gelo, uma coisa muito importante assim que começa as quimios do transplante é fazer tratamento odontológico a laser para evitar a tal MUCOSITE (é uma inflamação interna em todo o canal digestivo que vai da boca ao ânus) é um dos efeitos colaterais mais comuns do transplante, por isso se tiver não se assuste.
Depois de terminado as quimios descansa-se 1 dia e no outro é a infusão das Células Tronco Saudáveis Coletadas, depois da infusão vem a parte da Paciência para esperar a "PEGA" (pega significa que uma nova medula nasceu e você está renascendo). Nesse momento é onde é comemorado um novo aniversário da pessoa que renasce e uma Felicidade imensa.
Agora é a hora da recuperação em casa, quando chegamos ainda não estamos 100%, pois todo nosso corpo está se adaptando a algo novo e fabricando as células novas e saudáveis. É normal ter enjoos e ainda passar mal, o apetite também pode não estar normal ainda mas fiquem calmos, tudo dentro do esperado, não podemos nos desesperar e aceitar que tudo tem seu tempo.
Eu tive algumas partes do corpo escurecidas, por conta de uma das quimios do transplante que pode dar esse efeito e o que me ajudou foi passar bepantol para que a pele descascasse e as manchas desaparecessem.
Eu tive a sorte de poder me doar a medula, mas muitas pessoas precisam de um doador para poder fazer um transplante, por isso o meu apelo para meus queridos leitores: doe Medula Óssea, qualquer um pode e você pode salvar uma Vida.
Saiba mais:
http://www.ameo.org.br/doacao-de-medula-ossea/doador-de-medula-ossea

Quem precisar de ajuda ou quiser saber mais pode mandar perguntas pelos comentários no blog.
Espero que ajude e que eu tenha esclarecido algumas dúvidas que eu tive antes de fazer esse procedimento.
Beijos 

Vocês conhecem Abrale (Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia)? Lá eles explicam também sobre o transplante, quem quiser dá uma passada no site:
http://www.abrale.org.br/pagina/transplante-de-celulas-tronco-hematopoeticas-tcth

Um comentário:

  1. Muito esclarecedor Ma, acompanhei de perto esse processo e vc explicou com muita clareza. Bjs

    ResponderExcluir